Conto: Azar é pouco